Nota de pesar

CPI-Acre manifesta seu pesar pela partida do líder do povo Huni Kuῖ João Sales Kaxinawá
A Comissão Pró-Índio do Acre manifesta seu pesar pelo falecimento da liderança indígena João Sales Kaxinawá, na madrugada do dia 14 de fevereiro, um dia após ser picado por uma cobra jaracaca na aldeia onde morava. Ele chegou a ser levado ao hospital do município do Jordão em um barco, mas não resistiu.
João Sales foi uma importante liderança do povo Huni Kuῖ e do movimento indígena do estado do Acre. Fazia parte de uma geração de lideranças, como Sueiro Sales, Getulio Sales, Agostinho Manduca e Francisco Pinheiro, que lutou bravamente pela demarcação das suas terras.
Participou do primeiro curso de professores indígenas realizado pela CPI-Acre em 1983. Acabou não seguindo a carreira de professor, atuando como agricultor e artesão, contribuindo para o fortalecimento da cultura Huni Kuῖ e influenciando o trabalho dos agentes agroflorestais indígenas.
Em 2000, foi eleito vereador do município do Jordão pelo Partido dos Trabalhadores (PT), cumprindo o seu mandato até 2004. Atualmente, exercia o cargo de coordenador do pólo indígena de Jordão, além de atuar para o fortalecimento da Associação dos Seringueiros Kaxinawá do Rio Jordão (ASKARJ).
Deixamos com a família e toda a comunidade indígena  do rio Jordão nosso profundo sentimento de solidariedade e pês